• Larissa Maciel

Após ação do Santa Cruz, arbitragem do RN diz que nada apaga o brilhante trabalho

Equipe finalista do segundo turno pediu a inserção da arbitragem na investigação de resultados.

Decisão do clube veio após a polêmica final do segundo turno - foto: Alexandre Largo

Na última quarta (2), o Santa Cruz de Natal deu entrada em ação pedindo a investigação também dos árbitros quanto a denúncia de manipulações de resultados no futebol potiguar, tendo como base a notícia de fato da Federação Norte Rio Grandense de Futebol (FNF) que investiga os jogos do campeonato estadual 2021.


A revolta do Santa Cruz aconteceu principalmente após a final do segundo turno, onde o time acabou prejudicado por um pênalti absurdo marcado pelo árbitro Zandick Gondim, hoje suspenso do quadro de arbitragem no RN, mas que na última terça apitou normalmente na Copa do Brasil, por também contemplar a CBF.


O pedido de investigação dos árbitros pelo Santa, no entanto, não agradou o Sindicato dos árbitros. Veja nota divulgada no blog de Marcos Lopes:


"O SINDAFERN vem a público informar que está acompanhando o desenrolar dos fatos envolvendo seus filiados. Frisamos que a arbitragem potiguar está entre as melhores do Brasil, fato este mais uma vez comprovado nos últimos dias, que com apenas duas rodadas da principal competição nacional, em suas quatro divisões, bem como pela primeira rodada da terceira fase da Copa do Brasil, estamos ocupando mais de 20 vagas, em todas as funções possíveis, árbitro, VAR, AVAR, assistente, quarto árbitro e analista, mesmo com um quadro reduzido, comparado a estados maiores. Isso prova o prestígio e o merecimento conquistados, após anos de trabalho duro, pela categoria local.


Atitudes, acusações infundadas e comentários maldosos advindos de casos fortuitos e isolados, não irão manchar o brilhante trabalho que vem sendo realizado pelos árbitros do RN, tanto a nível local, como a nível nacional. O fato de trabalharmos de forma silenciosa e discreta não significa que seremos omissos na defesa dos nossos filiados. Por último, informamos que, caso seja necessário, estaremos com o corpo jurídico da instituição à disposição da categoria."


Do blog - não vejo problema em inserir o quadro de árbitros na investigação. Afinal, fazem parte do futebol potiguar que hoje vive a triste sombra do crime de manipulação de resultados. Se há investigação pedida pela própria FNF, que tudo seja investigado, incluindo a federação, equipes e a arbitragem. Quem não deve, com toda certeza sairá ileso.

27 visualizações0 comentário