• Larissa Maciel

Atleta de Grossos reclama falta de apoio: "só promessa"

Natural de Grossos, Alisson Silva fala das dificuldades de permanecer no esporte.

reprodução

Informações da Difusora Mossoró


O lutador grossense Alisson Silva, de 26 anos é o atual campeão mundial de jiu-jitsu, já foi campeão do torneio Grand Slam de jiu-jitsu, é campeão interestadual de luta livre, e um dos principais destaques no país em sua categoria, peso mosca.


Alisson está morando atualmente no Rio Grande do Sul, onde estreou recentemente no boxe, vencendo o seu oponente com um nocaute técnico no segundo round.


Segundo o lutador a mudança é uma busca de aprendizado e experiência para melhorar seu estilo de luta principal, que é o MMA (Artes marciais mistas), e também do seu sonho, que é entrar no UFC (Ultimate Fighting Championship), maior evento de luta do mundo.


FALTA DE APOIO: O MAIOR DESAFIO


Apesar do sucesso nos ringues, Alisson Silva está enfrentando a maior de todas as suas lutas: a falta de apoio para prosseguir a sua jornada. Com a ajuda apenas de familiares e amigos, o atleta que representa o Estado e sua cidade natal não conta com qualquer colaboração institucional e mesmo uma promessa de R$ 300 por parte da Prefeitura de Grossos, ficou somente nisto, promessa.


“É triste ver este descaso com um jovem que tem levado o nome do Estado e da cidade de Grossos para o mundo inteiro não ter um reconhecimento das autoridades, mas vamos em frente, enquanto pudermos bancar este sonho dele, vamos lutar juntos”, comenta Geová Costa, um dos “paitrocinadores” do lutador.

10 visualizações0 comentário