• Larissa Maciel

Eleição deve consolidar Djalma Júnior como novo presidente do Potiguar

Após a renúncia de Benjamim Machado, nome do presidente do conselho fiscal foi posto.

Djalma Júnior - foto: Léo Moura/ACDP

A assembleia extraordinária, marcada para esta quarta (31), deverá confirmar Djalma Júnior como novo presidente do Potiguar, legalmente, até o fim de setembro deste ano.


Djalma é um nome que vem da arquibancada. Participou da gestão Benjamim Machado e rompeu com o ex-presidente por discordâncias nos bastidores do clube. Estava como presidente do conselho fiscal e acompanhou o processo da desaprovação de contas da antiga gestão.


Logo que aconteceu a renúncia de Benjamim, passou a assumir o comando, já que o então vice, Chico de Edinho, também havia renunciado. O tal Chico voltou atrás e sustentou o cargo até onde deu, sem qualquer apoio do torcedor, forçado a deixar a presidência para que a imagem do clube fosse preservada.


Neste imbróglio, a presidência legal do alvirrubro ficou com o presidente do conselho deliberativo, Gregório Jales, de maneira provisória até o último dia de março. A eleição, portanto, vai configurar um mandato considerado tampão, que pode ser renovado por mais dois anos em outubro.


Djalma terá o nome do advogado Williams Segundo como seu vice, considerado o seu braço direito neste período turbulento do clube. Hoje, com ele, estão Alexandre Tavares, Fabiano Morais e Emikson Corrêa.


Durante o restinho da semana, a nova gestão também deve apresentar as ideias que tem ao torcedor, entre elas, de reestruturação do clube, a partir da ACDP.

34 visualizações0 comentário

©2019 by Larissa Maciel. Proudly created with Wix.com