• Larissa Maciel

Em que pé ficou a situação da ACDP? Entenda

Clube segue em busca de compradores, já existe gente de olho no processo.

foto: reprodução google maps

Após a realização do primeiro leilão da sede social do Potiguar, mas sem arremate, o clube ainda se certifica da possibilidade de venda do terreno. Inicialmente, se fosse vendida, a ACDP poderia render de 3 a 5 milhões de reais ao alvirrubro, valor esse mais do que interessante para quitar dívidas e colocar o projeto do Centro de Treinamento para frente.


O blog Larissa Maciel questionou o presidente do Potiguar, Djalma Júnior, quanto ao assunto.


“Estamos procurando possíveis compradores. Nós tínhamos um projeto pra lá, mas com esse impasse não é mais interessante fazer gastos ali.”


O projeto seria transformar a ACDP em alojamento para atletas, pensando em temporadas futuras. Projeto esse não mais viável.


Circula também a informação de que já existem sócios de olho no leilão da ACDP. Em caso de ser arrematada, estes poderiam tentar algum respaldo jurídico para receber parte dos valores. Este cenário foi rechaçado pelo vice presidente alvirrubro e membro do departamento jurídico do clube, Williams Segundo.


“Não houve mais andamento no processo. Certamente será marcado um novo leilão. Quanto a chance de sócios terem acesso a possíveis valores recebidos pela ACDP, não há. A ACDP é 100% do Potiguar”, disse.


O alvirrubro mossoroense já tentou vender a ACDP para pelo menos três empresários, mas não conseguiu.


33 visualizações0 comentário