• Larissa Maciel

Muito longe de expectativas, totalmente dentro da nova realidade

O Potiguar decepciona o torcedor. Erros pontuais ressoam em campo e no psicológico.

Falei na TCM HD que tenho a impressão que o Potiguar cria sua própria crise. Ao meu ver, criou. Criou quando resolveu tão cedo dispensar dois atletas da região que poderiam fazer falta (e fazem) no elenco, quando publicou nota sobre a situação no Nogueirão antes de resolver no diálogo e quando demitiu Joel Cornelli.


Não é que o clube estivesse errado. Estava certo em demonstrar seriedade com a pré temporada quando não admitiu as "explicações" de Madson e Hudson. Estava certo em cobrar um melhor tratamento dentro do Nogueirão (ainda mais quanto à falta de água e atraso de treino), mas não foi certo quando decidiu demitir o técnico com o bonde andando. Faltavam apenas duas rodadas de um turno.


Fez certo ao desistir de Jefinho, mas insistiu em Wilker, hoje vaiado pela torcida. Fez certo em pensar em chacoalhar o time, cobrar mais atitude, mas dava pra ter feito isso mantendo o treinador que poderia tentar reverter o mau jogo contra o Força e Luz e não voltar agora "desesperadamente" ao mercado em momento de decisão.


De um Potiguar de expectativas, como já falei em um texto por aqui, chegamos a um Potiguar completamente mergulhado em sua nova realidade. Nervoso na hora de dividir as jogadas, de tentar controlar o jogo. Um nervosismo perdido de Ronald, expulso, que prejudicou o andamento da partida. O erro crasso de Wilker em voltar o jogo pro Paulo César, que não deu o bote.


E em um turno com cinco partidas em casa, com totais chances de classificação, deu de mãos beijadas à chance de uma calmaria para o destino dentro e fora das quatro linhas. Não estou dizendo que manter o treinador ia resolver a parada, mas demiti-lo também não mudou em absolutamente nada. De quê adiantou?


No mínimo, fora a tentativa de vencer o América fora de casa, vai ter que se reconstruir. Alguns nomes já não são mais "suportados" pelo torcedor. Adianta manter? Falta claramente opção de mais um meia, mais um zagueiro e mais um lateral esquerdo. Vai contratar?


O Potiguar mergulhou em uma realidade que também quis criar. Agora é colher o bom e o mau fruto.

70 visualizações0 comentário