• Larissa Maciel

Paraciclista potiguar é convocada para Tóquio

Paraciclista da Sadef vai disputar segunda Paralimpíada da carreira.

foto: cedida

De assessoria


Se fosse no futebol, teria sido aos 45' do segundo tempo. A Confederação Brasileira de Ciclismo chegou a divulgar uma lista de convocados para os Jogos de Tóquio sem o nome de Ana Raquel. Horas depois, explicou que houve um equívoco na contagem de pontos para o ranking de classificação, e incluiu a potiguar na lista.


"Tinha que ter uma pitada de emoção", disse Ana Raquel Lins, potiguar de 30 anos que vai reviver a emoção de disputar uma Paralimpíada. "Essa convocação é fruto de muito trabalho. A pandemia comprometeu alguns tipos de treinamentos, mas eu nunca fiquei parada. Treinava sozinha, de madrugada, todos os dias da semana". Ana Raquel também é administradora, e divide o tempo entre o esporte e o trabalho de assessora parlamentar.


Essa vai ser a segunda Paralimpíada da carreira de Ana. Em 2016, a atleta da Sadef disputou os Jogos do Rio de Janeiro, no Triathlon. "A modalidade passou por mudanças nas regras de classificação funcional, que me tiraram das provas internacionais, então decidi ir pro Paraciclismo. Fico feliz em ter chegado tão longe também em outro esporte", explica a atleta.


Além de Ana Raquel no paraciclismo, a Sadef (Sociedade Amigos do Deficiente Físico do RN) já tem Joana Neves, da natação, com participação garantida em Tóquio. Júnior França, do Halterofilismo, segue aguardando as definições das vagas do Brasil.


PARALIMPÍADAS DE TÓQUIO


Adiados em mais de um ano por causa da pandemia do Coronavírus, os Jogos Paralímpicos de Tóquio estão marcados para acontecer entre 24 de agosto e 5 de setembro.

11 visualizações0 comentário