• Larissa Maciel

Potiguar 2x1 Força e Luz: vitória pra ganhar casca


O Potiguar começou aceso. Logo no primeiro minuto, na bola bem cobrada por Mayron, Zé Flores marca. Em dez minutos de jogo então, bola pra Madson na casquinha do Walber e da assistência de Zé Flores. 2x0


O alvirrubro encontrava dificuldades na marcação da lateral esquerda do ataque do time elétrico. Do adversário, as chances surgiam com Vinicius, bom velocista, e André Costa. O gol de pênalti feito pelo próprio Vinicius coroou a insistência no lance.


O início da segunda etapa foi de aperto. A preocupação com a marcação estava evidente e foi traduzida na entrada de Fernando, que demorou a se achar em campo. Mayron, articulador, acabou ficando mais na marcação pela necessidade. O time ainda perdeu um gol surreal com Berriel. Faltava mais alguém pra acionar a frente e entrou Alexandre Talento, que deixou Walber na cara do gol, mas que parou na defesa.

É o chamado jogo pra criar casca. O time fez gol, articulou jogadas e também sofreu um bocado. Vibrou até em lateral como fim de campeonato. É jogo pra se firmar e se colocar como candidato ao crescimento.

Faço aqui ainda dois adendos: a perda do Jefinho foi sentida e a arbitragem foi fraquíssima. O árbitro Tarcísio Flores se perdeu todo nos cartões. Sorte que não trouxe prejuízos gigantes.

28 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo