• Larissa Maciel

Potiguar chega a cem sócios pelo "Camisa 8", mas pode mais

Impressão é que falta mais engajamento, mas tentativas não faltam.

foto: reprodução

O CEO do Potiguar, Márcio Mossoró, celebrou nas redes sociais do clube a chegada ao número cem de sócios ativos através do programa sócio torcedor "camisa 8". Com valor acessível, a ideia é melhorar a renda do clube e manter o elo com a torcida alvirrubra durante todo o ano.


"Fechamos 100 sócios ativos e mais 100 faltando finalizar o processo", comentou o presidente Djalma Júnior ao blog Larissa Maciel.


A iniciativa foi correta. Vejo principalmente pelos descontos exclusivos para os sócios não apenas em camisas e acessórios do clube, mas também em lojas parceiras na cidade e que demonstram confiança na chegada do meia à gestão. O grande desafio, na verdade, é o convencimento. Vejo a chegada ao número cem como representativa, mas o alvirrubro pode mais.


Este ano, pela impulsão do próprio meia, a torcida voltou a encher as arquibancadas do Nogueirão contra o ABC e contra o América. Há muito tempo não se via 3 mil pessoas no estádio da cidade. O evento de apresentação do meia como CEO também teve forte presença da torcida. O lançamento do sócio da mesma maneira. Imagina se pelo menos mil desses pudessem ser sócios?


Essa pergunta precisa instigar a torcida, que também precisa acompanhar o clube além calendário. É o grande desafio. Isso não é uma crítica, é a constatação que o futebol mossoroense pode mais em diversos aspectos. Torço para que os programas de sócio torcedor dos nossos clubes sejam alavancados. É um caminho, é um norte, um fator a mais financeiro e do "casamento" entre time e a paixão do torcedor.

13 visualizações0 comentário